Interessados em compor o CMAS e o CMDCA de Mongaguá podem se inscrever até o dia 24

Imagem meramente ilustrativa extraída da internet

Estão abertas até o próximo dia 24 as inscrições para os interessados em representar a sociedade civil no Conselho Municipal de Assistência Social (CMAS) e no Conselho Municipal de Defesa da Criança e do Adolescente (CMDCA) de Mongaguá. Para participar da eleição é necessário comparecer à Diretoria de Assistência Social (DAS), à Avenida Marina, 61, no Centro, de segunda a sexta-feira, das 9 às 17 horas.

Os requisitos para participar, documentações e procedimentos necessários, além de outros detalhes do processo eleitoral podem ser conhecidos na própria sede da DAS ou no site oficial da prefeitura (www.mongagua.sp.gov.br), no link da Deliberação Conjunta nº 001/2017, constante na aba ‘Editais’.

Ao todo são 16 vagas para cada conselho, sendo oito titulares e oito suplentes. O pleito está previsto para o dia 7 de abril, entre 10 e às 15 horas, no Clube Itapoan, à Avenida Marina, 65, no Centro. O mandato terá duração de quatro anos (2017-2021), com início previsto para o dia 1º de maio. A eleição é organizada pela DAS, por meio de uma comissão eleitoral, e fiscalizada pelo Ministério Público.

“A Assistência Social é uma área complexa. Lida com vidas e questões de amparo e integração de indivíduos na sociedade. E diante das adversidades que vivemos no mundo moderno, a nossa atuação é cada vez mais exigida, necessitando ser enérgica e resolutiva”, comenta o diretor municipal de Assistência Social, Arnaldo Cândido da Silva, coordenador da comissão eleitoral.

Para ele, a participação da sociedade civil nesse contexto, além de demonstrar a transparência dos trabalhos que são desenvolvidos, envolve, de fato, a comunidade no dia a dia das políticas de assistência social e defesa dos interesses da criança e do adolescente no município.

“As questões envolvendo crianças e adolescentes são delicadas. Às vezes, a própria família está diretamente ligada a episódios lamentáveis. Assim como a Assistência Social, é uma área que exige empenho e estratégias de atuação. E os cidadãos podem e devem contribuir com esse trabalho. Afinal, o que mais queremos é uma sociedade mais justa e igualitária, e com o devido respeito à infância e à juventude”, finaliza.

CMAS – O Conselho Municipal de Assistência Social é um órgão integrado por representantes do governo e da sociedade civil para discutir, estabelecer normas e fiscalizar a prestação de serviços sociais públicos e privados no município, englobando a atuação da Diretoria de Assistência Social nos CRAS (Centro de Referência da Assistência Social) e CREAS (Centro de Referência Especializado de Assistência Social).

CMDCA – O Conselho Municipal de Defesa da Criança e do Adolescente é um órgão paritário com a participação da sociedade civil, que tem como função formular, deliberar e acompanhar as políticas públicas, programas e projetos governamentais e não-governamentais em prol das crianças e dos adolescentes, sobretudo em relação ao respeito e à implementação das normas preconizadas pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

© 2013 Produzido por Trilogic

Voltar para o topo