Conseg aborda a importância do registro de Boletins de Ocorrência (B.Os.)

Fotos: Toninho Izar / Texto: Eduardo Rodrigues

Os membros do Conseg (Conselho de Segurança) voltaram a se reunir nesta terça-feira, nas dependências da ETEC Adolpho Berezin. Na ocasião, os representantes das forças de segurança fizeram um breve relato das competências e atuações de suas instituições, sendo Guarda Civil Municipal (GCM), Polícia Militar e Polícia Civil.

Representante da Administração Municipal no evento, o diretor de Segurança, Roberto Ojima, ressaltou o empenho da GCM na preservação do patrimônio público e no auxílio aos demais entes, principalmente com o apoio do Sistema de Videomonitoramento.

De acordo com Ojima, o principal foco do encontro foi a necessidade de difusão das informações acerca do registro de Boletim de Ocorrência (B.O.), que precisa se tornar um hábito da população.

Segundo ele, infelizmente, Mongaguá registra episódios dos mais diversos, simples e graves. Mas este cenário não é refletido ao Governo do Estado, que se utilizada das estatísticas dos B.Os. para operacionalizar suas equipes e as ações a serem implementadas.

“Foi uma nova oportunidade que os munícipes tiveram para expor as necessidades de suas comunidades na questão de segurança, e isso diretamente aos gestores do setor no município. Encontros assim são sempre salutares, pois passamos a conhecer um pouco mais da opinião das pessoas acerca do tema”, comentou Ojima.

 

© 2013 Produzido por Trilogic

Voltar para o topo