Hospital de Mongaguá abre agendamento para doação de sangue

doacao de sangue1doacao de sangue2O Hospital Municipal de Mongaguá abriu agendamento para doação de sangue.  Os doadores são transportados, pela Prefeitura, até o Hemonúcleo de Santos. A próxima saída ocorrerá no dia 24 de maio, às 7h30. A doação pode ser agendada, por telefone. Quem não tiver condições para fazer a doação, no dia 24 de maio, poderá marcar para o dia 28 de junho ou 26 de julho. O telefone do hospital é o 3505-6060.

De acordo com a biomédica Taciana Perin dos Santos, o Município deveria realizar, no mínimo, 30 doações ao mês. No entanto, a média mensal é de 15, ou seja, 50% abaixo da necessidade. “É importante que as pessoas se informem mais sobre a doação de sangue e contribuam, sempre que possível. As pessoas que necessitam de uma transfusão só podem contar com a solidariedade de doadores”, disse.

A retirada do sangue demora, em média, 10 minutos. O material utilizado é descartável e os procedimentos são feitos por profissionais técnicos e experientes. As informações do doador são sigilosas. Vale lembrar que uma única doação pode beneficiar de três a quatro pessoas.

Requisitos para doar sangue: ter entre 18 e 65 anos de idade; pesar 50 kg ou mais; estar em boas condições de saúde; ter se alimentado duas horas antes da doação; não ter fumado duas horas antes da doação nem ingerido bebida alcoólica nas últimas 24 horas. Homens podem doar sangue a cada 60 dias. O intervalo para mulheres é de 90 dias.

Não podem doar sangue: mulher grávida ou no período da amamentação; pessoa com febre, gripe, resfriado; quem recebeu transfusão de sangue há menos de um ano; quem tem histórico de HIV, doença de Chagas, hepatite, malária, sífilis, diabetes ou outras moléstias.  Quem usa droga injetável ou não usa preservativo nas relações sexuais não pode doar sangue.

Foto: Hemonúcleo de Santos

© 2013 Produzido por Trilogic

Voltar para o topo