Defesa Civil Nacional faz levantamento técnico na orla de Mongaguá

Mongaguá recebeu, no final de outubro, a visita técnica da engenheira civil, Sofia Moreira Campos, da Defesa Civil Nacional, órgão ligado ao Ministério de Desenvolvimento Regional. Foram vistoriados os trechos da Avenida Governador Mário Covas Júnior, destruídos por sucessivas ressacas do mar, desde o início do ano. O levantamento foi acompanhado pela Diretoria Municipal de Obras Públicas e  Defesa Civil de Mongaguá.

A engenheira explicou que os dados técnicos serão utilizados na análise da solicitação de recursos federais, apresentada pela Prefeitura de Mongaguá, para a reconstrução das áreas destruídas pela força das marés, as quais totalizam mais de 3 km de extensão. Segundo Sofia, não é possível prever o prazo para a aprovação de verbas, contudo, ela afirmou que existe previsão orçamentária para o corrente ano.

O diretor municipal de Obras Públicas, Ricardo Ferreira, informou que o projeto apresentado pela Municipalidade abrange a reconstrução de 3,3 km de muretas, além da recuperação de outros 1.484 metros de muretas. Também está previsto o enrocamento, com pedras, em uma faixa de 3.134 metros, para proporcionar maior resistência às muretas, calçadas e acessos, em períodos de ressaca marítima. Cerca de 20 mil metros quadrados de calçadas, com piso intertravado, e 90 acessos com rampa e escadas estão previstos no projeto executivo.

Fotos: Bianca Lopes/Departamento de Comunicação Social